fbpx

Whatsapp (45) 99968-4217

previdenciario@bogoadvocacia.com.br

Notícias

Confira as notícias que preparamos para você

005

Como recorrer após ter um benefício negado pelo INSS?

Para ter acesso a um benefício nos casos de incapacidade, o segurado precisa ser submetido a uma perícia de um médico do INSS, que vai avaliar se a pessoa preenche os requisitos básicos para receber o benefício.

Nesses casos, pode acontecer de uma doença não ser identificada pelo médico, que não é especialista em avaliar determinadas patologias. Assim, o benefício pode ser negado.

Apenas recorrendo à justiça o segurado pode fazer com que o benefício negado seja revisto, pois o juiz irá indicar um médico especialista no problema do paciente.

Se a minha solicitação de benefício por invalidez ou auxílio-doença for negada, o que devo fazer?

Antes de mais nada, aceite a decisão. Em seguida, você irá precisar entrar com um recurso administrativo (que visa a modificação de qualquer ato administrativo prejudicial) e, logo depois, ingressar com uma ação judicial.

O recurso administrativo serve para “facilitar” o pedido do benefício, caso ele tenha sido negado. Para isso, a pessoa precisa apresentar ao INSS, de forma detalhada, os motivos pelos quais o órgão deve aceitar o seu pedido de benefício.

O prazo para entrar com o recurso é de 30 dias, contados a partir do momento em que o contribuinte ficou sabendo que o pedido de benefício foi negado.

Qual o procedimento para reverter a decisão que negou o benefício?

Após entrar com uma ação na justiça, o perito médico especialista, designado pelo juiz, irá avaliar o segurado.

Isso faz muita diferença em relação à decisão inicial que negou o benefício porque quem vai fazer essa nova avaliação é um especialista, ou seja, um profissional que conhece bem a doença e suas consequências, caso o contribuinte precise trabalhar não estando bem de saúde.

Caso o juiz dê a sentença favorável, o contribuinte ainda receberá todo o valor retroativo, ou seja, todo o dinheiro que deveria ter recebido desde que o benefício foi negado.

Contato

Email: previdenciario@bogoadvocacia.com.br
Telefone: (45) 3240-1802 | (45) 99934-4208
Horário de funcionamento: 08:00 às 12:00 e 13:30
às 18:00 de segunda à sexta-feira.

Medianeira - PR

Av. Rio Grande do Sul, 2183, Centro, Medianeira – PR. CEP: 85884-000

Foz do Iguaçu - PR

Rua Antônio Raposo, 716, Centro, Foz do Iguaçu – PR.

© 2020 Bogo. Todos os direitos reservados. Desenvolvido por 3MIND.